quinta-feira, abril 14, 2005

O Código Da Vinci

Acabei de ler ontem este fantástico livro. Aconselho vivamente a sua leitura.

Harvard Robert Langdon, conceituado simbologista, está em Paris para fazer uma palestra quando recebe uma notícia inesperada: o velho curador do Louvre foi encontrado morto no museu, e um código indecifrável encontrado junto do cadáver. Na tentativa de decifrar o estranho código, Langdon e uma dotada criptologista francesa, Sophie Neveu, descobrem, estupefactos, uma série de pistas inscritas nas obras de Leonardo Da Vinci, que o pintor engenhosamente disfarçou. Tudo se complica quando Langdon descobre uma surpreendente ligação: o falecido curador estava envolvido com o Priorado do Sião, uma sociedade secreta a que tinham pertencido Sir Isaac Newton, Botticelli, Victor Hugo e Da Vinci, entre outros.

O Vaticano criticou vorazmente Dan Brown, referindo que o livro apenas tenta destruir a fé católica e pôr em dúvida a veracidade da história de Jesus, aquando é afirmado no livro que Jesus casou com Maria Madalena e tiveram um filho, e que a partir aí é desencadeada um todo de enredos, dos quais, a busca do Santo Graal, que neste caso não é apenas um objecto...

O sucesso editorial "O Código Da Vinci", que já vendeu mais de 10 milhões de exemplares no mundo, tornou-se também um fenómeno turístico em Paris. Uma das modas na cidade agora é visitar os lugares mencionados no livro do norte-americano Dan Brown. Algumas agências oferecem passeios no Louvre e em outros locais no livro por 110 euros(!).

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

De facto é um óptimo livro, bom de se ler...

sábado, 16 abril, 2005  

Enviar um comentário

<< Home